O que você eesolhe?

SAMSUNG CAMERA PICTURESExiste vida além da hipnose – verdadeira, vivendo realmente a Vida!

Por Dra. Glória Leitert

Tradução: Timea Thomazy

Publicado em Shaumbra Monthly January 2015.

No outono de 2011 eu fiz um retiro de 21 dias sem qualquer bebida, comida, meditação ou auto cura. Através desta experiência, comecei a identificar alguns dos nossos sistemas humanos de crenças, suas funções e suas origens. Durante o retiro, eu simplesmente permiti e me aceitei como eu era com todos os processos acontecendo dentro de mim. Antes do término eu experimentei o sentimento do “Eu Sou o Que Eu Sou”; eu me senti iluminada, pura e brilhante.

Então lá eu apaguei um velho programa e profundamente enraizado a saber, de que se você não beber e comer por 3-5 dias, você irá morrer. Bem, isso não foi o que aconteceu comigo. Na verdade, eu experimentei estar verdadeiramente viva.

Voltando aos dias normais, ao mundo e às rotinas da minha família enquanto todos eles ainda refletiam os meus velhos hábitos, foi muito frustrante para mim. Eu me senti como se estivesse chegando de Marte. “Sou eu mesma quem está estranha ou são eles?” Eu perguntava, e claro, eu já sabia a resposta. Mas ainda faltava algo.

Desde então, eu estive envolvida em como podemos fazer com que as experiências que eu atravessei esteja disponível para outros, mas de uma forma diferente, mais simples e mais rápida. Há muitas crenças falsas e mal-entendidas sobre o viver de luz, como eu fiz durante 21 dias, mas talvez em breve virá um tempo em que mais pessoas entenderão isso. Na minha pesquisa para saber como compartilhar isto com os outros, como ir além dos nossos sistemas de crenças, eu encontrei uma explicação profunda, uma assistência e uma ferramenta prática simples que todos podem usar, e ela é o curso Synchrotize™ da Nova Energia de Adamus.

Eu participei do curso Synchrotize com a professora do Círculo Carmesim Timea Thomazy, e todas as imagens borradas em mim ficaram claras ao longo dos quatro dias do curso.

Agora tenho uma explicação simples, clara e de facilmente compreendida sobre por que os sistemas de crenças foram estabelecidos e como eles trabalharam para mim e para os outros por um longo, longo tempo. Eu também entendo agora por que a mente foi criada e como ela funciona. Eu havia considerado os padrões estabelecidos em Atlântida significavam que eles deviam ser seguidos, mas agora eu sei que eu posso ultrapassá-los. Eu havia considerado a matriz – especialmente depois de assistir ao filme com o mesmo título – como sendo um sistema muito forte, sutil portanto quase invencível, mas agora eu sei que eu criei energicamente e mantive-o . E se isso é verdade, eu também posso tomar a decisão de mudá-lo em minha vida. Além disso, eu entendo que tudo isso é muito simples. Anteriormente quando eu sentia que ele era difícil, ele não era nada mais do que um programa previamente aceito e instalado em mim. E, para continuar com a linguagem de computador, eu posso pressionar o botão Excluir sempre que eu escolho e então fazê-lo do meu jeito, de um modo ainda mais simples. Por quê não?

As tarefas requisitadas no curso Synchrotize às vezes pareciam fácies de serem feitas, às vezes difíceis, mas eu as fiz. Por exemplo, existe um segmento onde o estudante é requisitado a olhar para as suas mentiras internas. Para experimentar as mentiras em mim mesma eu fui andando para encontrar um lugar para fazer a minha tarefa. Chovia muito e eu queria encontrar um lugar calmo, a beira-mar e protegido da chuva. Mas depois de uma hora de caminhada e já bem molhada, eu desisti dessa ideia e aceitei o que eu tinha, e acabei terminando em um dos mais movimentados pontos de bonde em Budapeste. Pelo menos ali eu poderia me sentar sem ficar mais encharcada ainda.
Képernyőfotó 2015-01-08 - 14.09.31
Cercada pelo ar frio e pela chuva, eu comi pizza – porque estava quente e eu estava com fome – e apenas ouvia. No início, eu só notei as pessoas correndo tristes, o barulho, o caos, a sujeira, os altos edifícios do governo, e o fato de que eu, como uma comedora de alimentos crus, estava comendo uma pizza de calabresa. Havia muitas perguntas em minha mente: “Apenas os alimentos crus são saudáveis?”; “O que é realmente saudável?”; “Quem pode dizer o que é realmente bom para mim?” “Posso apenas meditar e fazer tais tarefas internas em um lugar calmo?” ; “Este barulho é meu ou eu posso escolher outra forma?”

Quando eu desisti dos pensamentos porque encontrei um lugar ideal, tempo e condições, o que eu posso e não posso comer, etc., eu me encontrei apena sentada, comendo e aceitando a tudo e a todos como eles são. E a partir daquele momento, não havia mais distrações. Era apenas eu – em paz, em repouso, simplicidade, pureza e alegria.

Porém, isto são apenas palavras e é impossível colocar os sentimentos e percepções em palavras. Nesse momento a vida era simples. Eu estava respirando, comendo, sentada e assistindo; eu estava viva, no meu corpo e em todas as minhas células, porque eu escolhi. Eu podia sentir como isto é simples! Tão relaxante! Que alegria é estar assim! Eu aceitei, permiti e experimentei o que estava ali, naquele momento, sem qualquer julgamento e programas, e isso mudou tudo.

Enquanto os dias se passavam após este momento de realização, eu experimentei alguns dos mais profundos segredos e reconhecimentos das minhas existências humana e angélica. Isto foi fantástico!

Quatro meses se passaram desde que eu participei do curso Synchrotize e minha vida continua a mudar. Meu aniversário de 50 anos que não foi há muito tempo é uma época em que muitas pessoas começam a declinar. Porém, eu sinto que estou vivendo melhor; na verdade eu me sinto como se estivesse apenas começando a viver. Eu estou conscientemente desperta de que eu tenho uma escolha, a cada momento, e eu posso escolher como um verdadeiro ser soberano. E à medida que eu faço as escolhas, então elas vêm mais facil e divertidamente o tempo todo, e eu sinto que as coisas se movem mais rápido e mais fácilmente do que nunca.

Alguns pequenos exemplos:

Durante o curso de Synchrotize, uma das minhas escolhas foi para aprender Inglês e eu estou feliz em dizer que isso já está se tornando uma realidade. Três meses atrás eu comecei um curso de Inglês com horário, frequência e preço que é perfeito para mim. Eu estou gostando muito e os meus bloqueios internos em relação a aprender outra língua desapareceram. Muito em breve eu serei capaz de ouvir palestras de Adamus em Inglês e ler esta revista também!

Existem novas perspectivas em nosso negócio de alimento cru. A criação é divertida, uma coisa simples que eu gosto cada vez mais. Até mesmo nas pequenas coisas quando tenho a necessidade de um produto a base de alimentos crus ele chega num tempo muito curto.

A minha relação com o meu marido (nós estamos juntos por 27 anos até agora), e os nossos três filhos se tornaram mais e mais harmoniosos a cada dia. Eu tenho muito mais prática à frente, mas estou no caminho certo. Eu sempre estive presente com a minha família mas agora eu até mesmo me divirto com isto!

Quando eu ajudo outros com este novo método Synchrotize ele também funciona muito rápido e eficazmente para eles. Um dos meus clientes simplismente encontrou o seu parceiro perfeito; outro encontrou um novo emprego, etc. Para se libertar da consciência de massa e da hipnose é apenas uma escolha muito simples, e o resultado é uma liberdade e criatividade tão incrível!

Você está pronto para isso? Se sim, eu realmente recomendo este curso de quatro dias, e você vai encontrar uma nova, verdadeira e criativa vida que virá junto com ele.

—————————————————————————————————————————

Dra. Gloria Leitert é uma conselheira da nova energia, uma consultora de estilo da vida e uma professora. Ela organiza regularmente reuniões e eventos da nova energia em Pécs, Hungria. Ela e seu marido trabalham juntos no negócio de alimento cru / vivo, a sua empresa está estabelecida a mais de três anos. Para entrar em contato com ela envie um e-mail para: este email.

 

Não Mais Cursos!

E como eu terminei como professor para os Cusos de Estudos Avançados do Círculo Carmesim …

Lutz Nullmeyer por Lutz Nullmeyer

Tradução: Timea Thomazy

Publicado no Shaumbra Magazine em Augosto de 2014.

Talvez você pensa assim como eu fiz apenas alguns anos atrás: “Não mais cursos!” Eu tinha feito o meu caminho por muitos anos no caminho espiritual, visitei vários cursos e treinamentos sobre diferentes temas, li muitos livros espirituais e assim por diante. No entanto, agora eu senti claramente “Isso é suficiente. Terminei. Eu não preciso mais cursos!” Eu ainda estava seguindo os Shouds todos os meses, assistindo a transmissão ao vivo quando for possível, e eu costumei ler a tradução depois. Havia informação suficiente dada por Tobias e Adamus no Shouds. Não mais cursos necessários. A propósito, minha esposa Sigrid sentia o mesmo quando nos conhecemos mais ou menos de oito anos atrás. Ficamos muito felizes por não só compartilhar o nosso amor, mas também ser Shaumbra.

Então nós dois juntos experimentamos algumas coisas que mudaram a nossa ideia. Começou quando Geoff e Linda Hoppe fizeram uma excursão do livro através da Europa em 2010. Um dos eventos era apenas uma hora longe de carro de onde nós vivemos. Eu pensei: “Bem, não é muito longe e poderia ser interessante a ver Geoff e Linda ao vivo – e Adamus, é claro. Pode ser um problema com a linguagem, porém, mas eu deveria ser capaz de seguir o tópico geral. Eu vou lá! ” Sigrid se juntou a mim.

O evento ocorreu num hotel. No momento em que nós entramos na sala eu senti e aproveitei de estar naquela energia especial. E a canalização ao vivo de Adamus foi realmente uma experiência extraordinária. Quando Geoff mencionou no final que ainda havia três espaços abertos para o próximo curso sobre desequilíbrio mental eu só sabia que eu queria participar. Aquele era destinado ás pessoas com um perfil especial profissional. Não era para todos, mas eu soube imediatamente que eu queria ir. Sigrid também se sentiu muito atraída por ele.

Para mantê-lo curto, nos fomos aceitados para este curso e desfrutamos de uma outra experiência especial. Eventualmente Adamus fez uma declaração clara a todos os participantes: Se nós quisemos trabalhar como facilitadores, ele recomendaria fortemente para participar na Escola de Energias Sexuais (SES), que é uma classe que foi canalizada por Tobias. Surpreendentemente, mesmo que se sentiu bem e certo para ambos nós. Então decidimos: “Vamos fazer o SES! E é isso! Essa será realmente o nosso último curso.”

Nós não antecipamos que participoar na Escola de Energias Sexuais realmente nos faria mudar da nossa idéia, assim como nossa vida. Para nós na Alemanha, é bastante incomum exagerar as coisas e usar expressões como “o que muda de vida”. Quando dizemos “bom” realmente significa bom e “muito bom” é o melhor valor que você pode encontrar. Mas passar por o SES acabou por ser verdadeiramente uma experiência de mudança de vida.

O que a tornou tão especial? Em primeiro lugar, eu realmente mergulhei profundamente nas energias. Este classe foi mais sobre o sentimento e de sentir do que sobre compreender através da mente. Embora exista uma grande quantidade de informações em cada classe, existe um processo energético intenso que se desdobra durante o curso, que permite uma experiência pessoal profunda muito mais profundo do que as palavras faladas. Foi tão intensa e útil. A nossa experiência foi muito além do que que nós jamais teríamos esperado. Realmente foi um curso da Nova Energia. A nossa vida – mesmo como casal – mudou de uma forma tão positiva, desde então.

Agora eu entendia exatamente por que Adamus tinha recomendado o SES, mesmo que ele também tinha mencionado aqui e ali que não havia necessidade de mais cursos, estudos, etc. Ficamos mais e mais curiosos sobre os outros cursos de Círculo Carmesim como Aspectologia, DreamWalker de Morte, e de DreamWalker de Nascimento. Bem, a coisa boa sobre decisões e ser soberano é que você sempre pode fazer uma nova escolha. Quando se sentir bem – vá para ele. E foi isso que Sigrid e eu fizemos – descartamos “Não mais cursos!” E decidimos em vez disso nos dar mais dessas escolas e cursos canalizadas por Tobias e Adamus. Cada um deles nos forneceu experiências impressionantes e introspecções, nos ajudou a mover energias presas em apenas três dias, nos ajudou a liberar um monte de makyo com facilidade e graça, e nos permitiu conhecer pessoas interessantes. Por último, mas não menos importante, acabamos sendo professores certificados para vários cursos do Círculo Carmesim. Temos sentido tanta paixão por todas as aulas e uma extremamente profundo impacto positivo que tiveram na nossa vida que se tornou um desejo muito forte e sincero de nos conduzimos algumas das aulas. E vemos que nossos participantes – se eles se chamam Shaumbra ou não – têm experiências semelhantes.

Falando de “paixão”, há algum tempo decidimos de participar no curso de  Paixão  como um curso de auto-estudo, que também nos deu uma experiência maravilhosa. Eu tive tanta paixão por “Paixão” que eu recentemente me tornei um professor certificado de paixão. Sigrid fez a escolha para repetir a classe, desta vez usando a configuração do curso apresentado por um professor e eu estva o professor. Ambos ficamos bastante surpreendido com o resultado. Embora eu, como seu marido, estivesse liderando a classe, não havia problema algum em que cada um de nós tivesse seu próprio papel: Sigrid mergulhando nas energias da classe como aluna e eu sendo o professor. Além disso, Sigrid teve uma experiência muito mais intensa do que com o curso de auto-estudo. Isso nos mostrou que há uma enorme diferença entre passar pelo material por conta própria e usar a ajuda de um professor que fornece um espaço seguro e, se necessário, muito apoio.

Eu concordo com Adamus, quando ele afirma que nos estamos prontos para entrar em nosso próprio mestria sem quaisquer outros pré-requisitos. No entanto, pode ser tão útil e uma experiência tão incrível para dar um presente se mesmo dum curso da Nova Energia, como um dos Estudos Avancados do Circulo Carmesim. Como Adamus muitas vezes fala: “Um verdadeiro mestre permite que as energias sirvam a ele.” Eu permiti que as classes de Nova Energia me sirvam e eu não iria querer perdê-la.

Lutz é um Professor apaixonado do Crimson Círculo e certificado para Escola de Energias Sexuais, Aspectologia, DreamWalker de Nascimento, Descobrindo sua paixão e DreamWalker de Vida. Ele vive na bela região rural em Syke (perto de Bremen), na Alemanha, com a sua esposa Sigrid, que também é professora do Círculo Carmesim.

Visite o seu site em www.shaumbras.de

A Beleza da Morte

lea

Imprimir Baixar em PDF 

Uma experiência como guia DreamWalker de Morte
por Lea Hamann

Meu telefone tocou: “Eu preciso de sua ajuda. Eu estou com câncer há 10 anos agora e eu não quero morrer. Você pode me ajudar?” A agitada mulher perguntou. Eu respirei profundamente e disse: Não sei se posso ajudar você a não morrer, mas eu realmente gostaria de ensiná-la como respirar. E assim começou. Minha cliente ligava toda semana para aprender a fazer uma respiração profunda e consciente. Depois da nossa terceira sessão juntas ela me disse que se sentia muito mais relaxada enquanto respirava e que a dor intensa que sempre tinha desapareceu por alguns momentos. Minha cliente era uma especialista em todos os tipos de trabalho de energia, técnicas de cura, ela conhecia tudo. O que eu descobri é que nenhuma daquelas técnicas trazia amor em sua vida; o que tinha em comum era que elas ajudavam-na a penetrar tão profundamente em sua mente, em seu medo e na energia de vítima.

Há um desenho que a energia de vítima faz, especialmente as energias que trabalham com a mente; se fosse alguns anos atrás eu teria entrado nessa energia. Mas agora eu sei respirar, então eu posso ficar na leveza da minha respiração até se qualquer tempestade de pensamentos surgirem em minha frente. Eu criei um espaço de segurança e paz, um espaço onde a mente da minha cliente não pudesse entrar. Sessões após sessões minha cliente adorava a tranqüilidade de nosso espaço juntas. Em cada sessão ela vinha com seu medo da morte, com histórias sobre a sua dor – e nós assistíamos juntas esse slide ao fundo, dissolvido e transcendido, enquanto ficávamos em nossa respiração.

A batalha que a minha cliente brigava contra a sua doença, contra seu corpo e contra ela mesma tinha chegado a um impasse. As brigas podem fazer isso. Você não pode respirar e brigar ao mesmo tempo, então em nossa sessão ela aprendeu um novo jeito de estar consigo mesma, de uma maneira mais amorosa e gentil. Suas palavras começaram a ficar mais suaves, a maneira de como ela falava de si mesma começou a ser mais amorosa. Celebramos um pequeno milagre quando ela foi capaz de rir de si mesma pela primeira vez.

Claro que falamos também sobre a situação dela, sobre seu medo de morrer e sobre a sua doença. Respiramos e liberamos muitas energias velhas – muitas portas fechadas puderam ser abertas. Um dia, alcançamos pela primeira vez o ponto onde ela pôde ver que realmente tinha uma escolha. Ela nunca teve esse tipo de consciência antes. A vida dela tinha sido de lutar, de criar isto para sobreviver. Agora ela tinha uma escolha pela primeira vez. Eu disse a ela que poderia ficar com essa escolha por enquanto e voltar quando ela soubesse mais sobre isso. Depois ela me ligou, sua voz era suave e gentil. Ela disse: “Você sabe, minha mente sempre me disse que eu deveria sobreviver, que eu deveria lutar contra minha doença, mas meu coração diz: eu quero ir para casa. Você pode me ajudar a ir para casa?” Então, com isso, nosso DreamWalk começou.

Falamos sobre sua percepção da morte. Ela disse: “A morte é fria, sombria e a morte é o grito de minha mãe que morreu quando eu era jovem.” Eu experienciei este espaço de morte muito freqüentemente que eu conheci esses abismos escuros, mas também eu conheci a gentil e maravilhosa maneira de morrer. Eu conheci a beleza da morte. Então, a convidei para deixar esse espaço obscuro e experimentar outro lugar. Nós brincamos que você pode deixar a casa de diferentes maneiras. Você pode certamente pular a janela, cavar toda a estrutura da casa ou simplesmente passar pela porta e sair. Como você quer deixar sua casa? Como você quer morrer?

Em nossas sessões que tivemos, agora diariamente, experimentamos um espaço gentil da morte. Respiramos juntas, nos centramos em nossos corpos e nos expandimos. Além do corpo, além da respiração pelos pulmões, além da nossa terceira dimensão. A morte é uma abertura para algo mais, mais de você. Então, cada respiração a permitiu se entregar em sua alma, que estava esperando por ela, simplesmente para abraçá-la, para estar com ela. Minha cliente se apaixonou por este lugar. Semanas atrás, ela sempre queria falar e brigar e discutir assuntos comigo. Agora ela sempre pedia: “Poderíamos começar a respirar agora?”

Desde que ela tomou a decisão de deixar seu corpo físico, seu corpo foi lentamente esmorecendo e havia dor porque seu corpo havia segurado demais sua energia. Devido ao câncer que tinha se espalhado pelo seu corpo todo, seus pulmões estavam cheios de água e todos os dias tinham que ser perfurados para retirar água. Então, respirar passou a ser mais difícil. Ela começou a tossir e respirar ficou muito cansativo para ela. Então descobrimos: “Eu posso respirar sem os meus pulmões; eu posso ir além. Eu respiro com meu corpo inteiro; posso até respirar com as minhas orelhas!” (As filhas da minha cliente depois confirmaram que depois dessas sessões de respiração as bochechas dela ficaram rosadas e ela até estava podendo andar.) Experienciamos que ela poderia ir além de seu corpo quando a dor da transformação e liberação se tornasse muito intensa. Nosso objetivo não era ignorar o corpo, mas deixar a transformação e liberação acontecerem de maneira graciosa.

Passaram-se alguns dias e, de repente, houve um ritmo profundo que irradiou todo o ser dela. Eu já tinha experienciado esse ritmo em meu trabalho com mulheres grávidas. “Então, esse era o ritmo da morte dela”. Eu pensei. Era lento, gentil e ficava mais e mais prevalente a cada dia. A consciência dela entrou logo neste ritmo. Um dia ela estava presente em seu corpo, no outro dia estava muito longe.

Nesse tempo, a família dela começava a me contactar com mais freqüência. Eles se preocupavam em vê-la não podendo andar mais ou pensar claramente. Eu disse a eles que isto fazia parte da liberação. Quanto mais ela liberava sua mente; mais fácil seria sua transição. Eu podia sentir que a minha presença na família, falando com suas filhas- até o marido dela começou a me enviar e-mail – ajudou a equilibrar a situação. Às vezes as coisas pequenas se perdem quando uma pessoa está morrendo. Os membros da família se esquecem de dormir, de descansar ou até mesmo de comer porque eles estão tão ocupados em entender o que está acontecendo. Elas estavam preocupadas em perder o momento da morte dela, de perder algum momento importante quando ela falaria pela última vez. Então, eu apenas disse a elas para relaxar, ir para casa, comer e dormir e entender que elas podiam sentir a mamãe delas mais do que vê-la e tocá-la.

Um dia, o ritmo da transição dela levou-a tão distante que grande parte da sua energia espiritual já estava agora mais longe. Neste dia, eu parei de comer carne (de acordo com as orientações do DreamWalker) e comecei minha uma hora de respiração consciente. Ela não tinha deixado seu corpo ainda, mas muito de sua energia tinha ido além de nossa dimensão. Como uma criança, eu tive medo das esferas próximas. Eu pude vê-las e sentir a presença de todos os fantasmas e das pessoas mortas. Então, eu fiquei surpresa quando eu fui com ela às esferas próximas e não experienciei mais medo. Mais alguns dias se passaram. A cada dia mais da energia dela passava além desse estado de transição. Ela estava calma. A ligação com a família dela lentamente se dissolvia e eu sentia que se aproximava o momento da sua morte física.

Um pouco antes que ela deixou o corpo, eu pude sentir uma onda de energia obscura do seu passado, memórias de mortes que ela tinha experienciado em existências passadas e “o caminho da morte” das suas famílias. Estas energias tinham um enorme panorama. Convidavam-na para entrar novamente no abismo escuro da morte, para experienciar o medo, a dor e a solidão. Em honra a todo esse trabalho que tínhamos feito juntas, eu sabia que eu não podia apenas assisti-la sendo arrastada para este lugar escuro. (Nesse momento, a filha dela me ligou: “Alguma coisa está estranha. Eu sinto que mamãe não pode morrer. Eu sinto algo bloqueado.”) Então ela percebeu aquelas velhas energias também.

Inesperadamente, eu nunca tinha feito isso antes, eu falei para a filha dela para se sentar ao lado da cama da sua mãe e respirar por 30 minutos, enquanto eu respirava também. Desligamos o telefone e fui fazer a minha respiração. Eu vi minha cliente em forma de espiral e com medo. Quando ela sentiu a minha presença, se expandiu um pouco. Eu coloquei um pé no caminho de Anasazi e chamei o nome dela. Chamei-a novamente. E chamei-a mais uma vez. E, de repente, ela saiu do seu transe e eu pude sentir as energias fluírem novamente. Quando a filha dela me ligou novamente, ela disse que o cheiro e a luz no quarto tinham mudado dramaticamente. A face da minha cliente estava mais relaxada e calma. Novamente – inesperadamente – eu disse para a filha dela lavar as mãos e os pés de sua mãe e colocar uma música clássica suave no quarto. Na manhã seguinte, minha cliente silenciosamente deixou o seu corpo. A equipe do hospital e a família dela relataram que havia ficado um brilho silencioso no quarto o dia todo.

O DreamWalk efetivo foi fácil e calmo. Eu amo a transformação que acontece durante o DreamWalk. Todas as energias das vidas passadas se dissolvem e, deixando para trás a pessoa humana, o anjo brilha. Ao longo desse caminho, eu senti o eco da música clássica que tinha sido tocada no quarto dela, como se fosse uma linha de luz chamando-a para a Ponte de Flores. Era como uma canção – uma canção de amor de sua família que estava brilhando através dessa música. Depois de 12 horas, nós já chegamos à Ponte de Flores. Ela tinha mudado tanto; não era mais um ser humano, era um anjo indo para casa. Cheio de experiência e cheio de vida. Há tanta beleza neste momento da passagem pela Ponte. A beleza é difícil de descrever com palavras. Tudo faz sentido. Tudo flui. Não há culpa, vergonha nem arrependimento- apenas um momento de celebração da vida, um momento de celebrar um anjo lindo e amado.

Os anjos encontraram-na no meio da Ponte. Despedimo-nos e assisti-la indo embora, lentamente, indo para casa. Com uma respiração profunda, eu deixei a Ponte, deixei as Esferas Cristalinas, deixei as Esferas Próximas e voltei ao meu corpo, ao meu quarto, a minha cadeira na qual estava sentada. Foi bom estar completamente presente depois de muitos dias em estado de transição. Foi bom, mas também um pouco estranho perceber que eu não podia sentir mais a presença de minha cliente. Eu estava acostumada a senti-la bem do meu lado. Levei alguns dias para descansar e para reconectar comigo mesma.

Eu posso dizer que fazer DreamWalk é uma das mais bonitas aventuras que dois humanos podem compartilhar. Depois, eu percebi os efeitos do DreamWalk na família dela também foram enormes também. Eu encontrei com a família da minha cliente duas semanas depois do DreamWalk. Eu vi um pouco de tristeza. Eu vi um pouco de lágrimas aqui e ali, mas não havia o pesar e a devastação que você normalmente encontra depois que um humano passa para outro lado. Todo mundo tinha mudado, se transformado e liberado muito.

Era realmente um quadro de um novo começo, de vida e de beleza.

Lea Hamann – Professora de DreamWalker atualmente vivendo na Alemanha.
Tradução: Aline Bitencourt
_
Sobre Lea Hamann:
Ela nasceu em 1982. Lea Hamann trabalha como um facilitador e um guia compassivo para aqueles que atravessam seu processo de desperta espiritual. Ela ensina trabalho de respiração e ajuda ajuda as pessoas a se reconectar com sua energia feminina em sessões individuais e seminários. Lea Hamann estava trabalhando com e incorporando as energias femininas agora já para um numero de anos. Ela começou canalizar em público em 2007. Sophia fala através dela nos canalizações mensais desde março de 2007. Sophia nos convida para readaptar com nós mesmos e receber a energia feminina da nossa alma. Desde então, a sabedoria e o amor de Sophia tornaram-se inseparáveis ​​do trabalho de Lea. Os canalizações mensais são gratuitos e estão disponíveis em seu site.

Fonte: crimsoncircle.com

Não se trata de sexo realmente

Imprimir Baixar em PDF

Geoffrey_Hoppe

Por Geoffrey Hoppe

(Originalmente publicado no Boletim Shaumbra Inglês em outubro de 2010)

Título capcioso, hein? “Sexo” tem um certo fascínio. Apenas a palavra em si pode ser provocante e sedutora. Eu sei, porque esta manhã, eu abri meu laptop e surfei pelo CNN News, eu notei muitas manchetes e fotos que insinuavam sexo.

Por exemplo, há um grande escândalo sexual envolvendo Brett Favre, lançador de ataque do Minnesota Vikings. Ele era meu herói quando jogou no meu time – o Green Bay Packers – mas ele caiu em desgraça, quando abandonou o Green Bay e foi para o arqui-rival Minnesota. Agora ele está sendo acusado de enviar mensagens lascivas e fotos de seu pênis (eles usaram a palavra pênis no noticiario da CNN, então acho que está tudo bem se eu usá-la aqui) para uma formosa jovem repórter. Pode marcar o fim de seu casamento de 18 anos e sua carreira de alto nível profissional, não porque ele vai ser forçado a se demitir, mas porque a energia sexual do vírus em que agora ele está preso reduzirá consideravelmente a sua eficácia em campo, e provavelmente em casa também. (Eu acho que ele deveria ter ficado no Green Bay … nada disso teria acontecido.)

Muitos dos outros artigos e banners na CNN eram altamente sugestivos sobre sexo, se não completamente gritantes. Eu não estou falando sobre o sagrado tipo de sexo ¹hieros gamos. Mas de um tipo de sexo vulgar, de baixa vibração e de alimentação de energia. O que me leva ao meu ponto: Meu artigo publicado na recente edição do Inspire Consciousness, que é o jornal mensal para os professores do Círculo Carmesim, fala sobre a importância do papel dos professores certificados. Eles trazem o núcleo da informação do Círculo Carmesim para as pessoas ao redor do mundo. Toda semana, há professores apresentando aulas que estão sendo realizadas em algum lugar do mundo. Os professores do Círculo Carmesim são muito mais do que os professores – são os Facilitadores do Despertar. Eles estabelecem uma energia segura para os seus alunos experienciarem as informações de mudança de vida oferecidas por Tobias e Adamus Saint-Germain.

De todos os cursos oferecidos pelos professores, incluindo a trilogia DreamWalker (Morte, Nascimento e Ascensão), Aspectologia e Synchrotize, considero a Escola de Energias Sexuais de Tobias (SES) como o curso primordial, o âmago do âmago. Qualquer pessoa que queira se tornar um professor do Círculo Carmesim tem que participar de uma SES antes que eles possam fazer a formação de professores para qualquer um dos cursos. Eu iria muito mais longe ao dizer que todos os Shaumbra deveriam considerar fortemente em participar do curso da SES, tomando-o, antes de seguir mais adiante em seu caminho de despertar.

SES ImageA SES não se trata realmente de sexo. É sobre amar a si mesmo em um nível muito sagrado. É sobre a integração de seus aspectos masculino e feminino. A SES fornece uma compreensão de como as energias centrais iniciais tornaram-se separadas eons de tempo atrás, e como elas podem ser trazidas de volta à unidade, numa base individual e pessoal.

Em um nível prático, a SES nos ensina sobre o vírus da energia sexual. De acordo com Tobias, esse vírus é causado por um desequilíbrio na consciência. Não se trata de propriedade ou controladas por ninguém ou alguma coisa. Não faz parte de uma conspiração ou plano sinistro, e não vem do “lado negro” ou nem mesmo de nossos aspectos. De muitas maneiras, é como uma gripe ou resfriado. É transmitida de uma pessoa para outra, sem discriminação. Ele rouba a energia e, finalmente, priva uma pessoa da alegria em sua vida.

Tobias oferece insights sobre como liberar o vírus de sua vida. É chamado de Aliyah que, coincidentemente, significa “voltar para casa”, na língua hebraica. Aliyah é sobre regressar a um lugar de amor dentro do seu Eu. Aliyah é uma experiência muito pessoal. Eu ouvi alguns Shaumbra que não tomaram as aulas da SES discutirem e debaterem a sua percepção da Aliyah, mas, infelizmente, é uma experiência pessoal, que em última análise desafia qualquer descrição.

Tobias disse que essa era a única maneira que ele conhece de liberar o vírus da consciência. Ele estava, é claro, se referindo a amar o seu Eu, completamente e incondicionalmente. Você não precisa tomar as aulas da SES para fazer isso, mas as aulas fornecem um espaço seguro e orientação profissional para se lidar com as muitas questões que vêm à superfície. Os professores do Círculo Carmesim são treinados e experientes em lidar com os desafios relacionados ao vírus.

Mesmo em ambiente seguro da sala de aula, a aula da SES é um desafio. Os professores relatam que as energias começam a se movimentar muitos dias antes das aulas começarem. Afeta coisas como as emoções, hábitos de comer e dormir, eletrônicos e até mesmo o percurso dos alunos para  chegarem fisicamente à aula. Definitivamente, existem sentimentos pesados durante o primeiro dia de aula ou o segundo. Em outras palavras, não é necessariamente um fim de semana risonho, de sentir-se bem. No entanto, até o término do final de semana a maioria dos estudantes têm profundas percepções pessoais que mais tarde se transformam em transformações pessoais. Nas avaliações enviadas aos alunos após a aula da SES, mais de 65% dizem que a SES foi um evento de mudança de vida.

Como outra coincidência, aconteceu de eu ir para o Quadro de Mensagens do Círculo Carmesim para verificar uma outra coisa. Notei que na última mensagem a discussão era sobre a SES! O autor da discussão faz a pergunta: “Quais são as experiências das pessoas com a SES?” Particularmente, estou curioso para ver onde as pessoas se inclinam a responder, em uma escala que varia de bom / agradável / informativo para absolutamente necessário / mudou a minha vida / me fez despertar, etc. Aqui estão algumas das respostas dos Shaumbra sobre a SES:

CCNewsletter_2010_oct_image2

“Absolutamente necessário, mudou a minha vida …” 

“Entendimento fundamental”.

“Eu realmente acho que deveria ser uma obrigação para todos os seres humanos. É inacreditável o quanto há alí. Um mundo inteiramente novo. “

“A SES é uma experiência única para todos. Eu dei muitas aulas de SES e é uma experiência incrível ensiná-la também. É uma aula que todo ser humano deveria ter, porque todo ser humano é afetado pelo vírus. Para aqueles que parecem nunca ter o dinheiro, isto é o vírus em sua vida, bem como seus próprios aspectos de vítima que o impedem de fazer o curso. Linda, declarou em vários Shouds (durante a apresentação que Geoff e Linda fazem) que há muitos professores do Shaumbra Institute que estão dispostos a viajar para dar as aulas. Tudo que você precisa fazer é colocar uma mensagem aqui no quadro de mensagens e haverá um professor para dedicar-se a uma delas. “

Ou, como minha esposa Linda tão apropriadamente afirmou, “Você nunca vai ver a vida da mesma maneira depois de participar de uma SES.”

Como uma rápida nota secundária, Linda e eu estaremos apresentando um talk show de uma hora na Internet na quinta-feira, 11 de novembro (11/11) na Global Teleclass intitulado, “Vampiros de Energia”. A GlobalTeleclass se estende para além do regular público Shaumbra, por isso vai ser um momento perfeito para falar sobre a SES em termos leigos. (Nota do Editor: A gravação de Vampiros de energia” em idioma Inglês está gratuito para baixar na loja virtual do Círculo Carmesim)

E como nota final, gostaria de agradecer a Tobias por nos dar (todos nós) este material. Ele fez uma diferença importante em minha vida e na vida de quase 2.000 Shaumbra que fizeram o curso.

¹Hieros gamos (do grego ιερός γάμος ou ιερογαμία, o “casamento sagrado” ), é a cópula (às vezes casamento), de um divindade e um homem ou uma mulher, muitas vezes com um significado simbólico e geralmente realizadas na Primavera. É um antigo ritual em que os participantes acreditavam que podiam ganhar profunda experiência religiosa ou um intercâmbio de conhecimentos através da relação sexual.

Tradução: Silvia Tognato Magini ([email protected])

Fonte: Boletim de Shaumbra – outubro de 2010

Respiração Consciente

NewBreath_banner2Imprimir Baixar em PDF

por Norma Delaney

Sua Respiração Consciente abre o caminho para o Viver na Nova Energia. A respiração tradicional mantém uma pessoa presa na sobrevivencia A respiração tradicional centra-se na mente, ombros, peito e pescoço, que são os pontos de retenção do medo.

Receba a Respiração que é concentrada através de seu nariz e passa pela rota do umidificador do corpo. Esta respiração traz umidade para o interior do corpo. À medida que a Respiração Consciente viaja até a barriga e para o centro de seu ser, ela desperta a conexão entre a sua alma e o ser humano físico. Isso desperta a capacidade de sentir. O sentir é a poderosa capacidade intuitiva do ser humano desperto.

O sentir é a porta para o perceber e o viver. Montanhas-russas emocionais não são ferramentas do sentir. Elas são os caminhos do medo da velha da energia, do temor e sobrevivência. O sentir é a experiência que nos é oferecida quando estamos dispostos a deixar que o nosso Espírito/Alma nos auto lidere, ao invés do medo e da mente treinada.

Existem muitas formas de ensinamentos de respiração; para partos, yoga, ritmos de atletismo e outras mais. A Respiração estimulada por Tobias, Saint Germain, utilizada por Garret e por mim é a respiração como me foi ensinada por Kuan Yen. Esta respiração tem o propósito de integração. Esta respiração é a única ferramenta que usamos para integrar plenamente uma pessoa que tinha sido diagnosticada com a desordem de personalidade múltipla. É a respiração que usamos para integrar a incorporação viva de Kuan Yen.

Receba a Respiração Consciente, pois não importa sua idade ou caminhada de vida, a viagem para a integração é a jornada para a vida. O Viver Consciente é realmente o caminho trilhado pelos Mestres. A Respiração Consciente é o caminho da Nova Energia para o Novo Mestre.

Copyright © Norma Delaney 2004-2009

______
Tradução: Silvia Tognato Magini [email protected]

A CHAVE da EXISTÊNCIA da CRIAÇÃO CONSCIENTE

Por Thomázy Tímea 12 de fevereiro de 2009

– É assim que criamos para nós mesmos a vida que queremos ter! –

O assunto é:
a escolha do “Lugar Seguro”
e do “Eu sou quem Eu sou!” 😉

 

  1.  Respiração Consciente.
  2. Escolha do Lugar Seguro
  3. Eu sou quem EU sou.- I am That I am.
  4. Libere. Deixe sair tudo o que já não está servindo, o que já não precisa para você!
  5. Escolha consciente tomar decisões.
  6. Permita-se. Permita que as coisas fluam e se satisfaça com elas.

____
Observação: Atenção! Não deixamos espaço para a dúvida. Se a dúvida sobre nós mesmos influenciar na nossa escolha, podemos respirar (com Consciência) e começar de novo do 1 ao 6…

Copyright © Thomázy Tímea 2009

 ——–

Imagens: 1. Dahlia: Jiri Evenhuis, Janne Kyttanen; www.freedomofcreation.com 
2. Michaelangelo: Criacao do Adão
3. John Dilworth: The Knot of Creation; http://www.johndilworth.com

Sobre Energias Sexuais I.

Por Tímea Thomázy 2008.

“…Quem já está vivendo com abusos psíquico ou físico desde décadas (a maioria das vezes traz a energia de vítima de vidas passadas a Eons), dificilmente não pode lidar com essa questão (por exemplo, mulheres que foram estupradas em todas as vidas delas). Não importa se estamos na Nova Energia ou não, o importante é que temos os potenciais dentro de nós! Mas isto poderia ser um processo que levaria tempo – por isso quem não quer sofrer mais no “papel de vítima” sentirá se precisará fazer este curso ou não! De fato é que, na Nova Energia, seremos capazes de solucionar, de uma maneira mais fácil, através de ensinamentos simples, no curso de Tobias, como poderemos nos desconectar energeticamente de outras pessoas e como poderemos produzir energia para nós mesmos.

O vírus permanece vida após vida, por isso a gente pode trazer de volta esta energia de vítima de vidas passadas. Muitos que morrem não podem ir para “CASA”, permanecem na realidade próxima da Terra, por causa que o vírus os paralisa neste lugar.

Um outro tipo completamente diferente é quando alguém é importuno, humilha os outros (como falam os americanos, abuser – tipo abusador) e, desta maneira, suga energia. As pessoas deste grupo não compreendem que têm o vírus nelas mesmas, porque elas não se incomodam e não percebem que estão se “alimentando” de outras pessoas, até quando essas pessoas ao redor delas se afastam, quando não querem mais servir de “alimento”. Esses abusadores ficam enfurecidos e fazem de tudo para retornar esse modo de conexão energética. Se isso não funciona, o tipo abusador vai se “alimentar” num outro lugar a fim de continuar chamando atenção. Neste momento, ele percebe que precisa mudar, mas antes disso ele vai tentar todos os artifícios (podendo mudar para o papel de vitima só para conseguir “ALGO”).

Realmente este curso não é um medicamento! Só porque alguém está participando dele, não vai dar sumiço ao “vírus”! Mas instrui como atrofiamos “este parasita” que vive em nós adaptando ensinamentos simples que podem eliminar pouco a pouco e, por último, abolir esse vírus. Porém, o objetivo principal do curso é fazer com que as pessoas percebam como o vírus trabalha (“este agora é o meu vírus…ele está trabalhando e queria que eu fizesse isso para continuar vivo”) e deixa de existir esta simbiose eliminando totalmente o vírus de suas vidas. Nesta interessante conexão normalmente estamos jogando, onde quem vence é o vírus, o mais forte.

O vírus gosta quando alguém está depressivo. As pessoas com vírus se sentem tão mal que podem achar que a única forma de aliviar isso é através do suicídio. Mas isso não é verdade, pois o vírus permanece.

O curso vai ajudar a abrir as portas dentro de nós que estavam fechadas há muito tempo. Poderá integrar totalmente os nossos aspectos de outras dimensões e nos abrir para encontrar de novo a sabedoria ancestral de Atlântida para fluir dentro de nós.

Tobias denomina vírus, porque se difunde tal como um vírus: se alguém tira a energia do outro, isso implica num jogo de dar e receber. No final todo o mundo está jogando porque isso é um sistema dualista de conservação de energia, quando tira de um lugar falta de outro.”

Copyright ©Tímea Thomázy 2008

(Tímea Thomázy – Trecho do Tópico:www.shaumbra.wire.hu Escola de Energias Sexuais do Fórum húngaro)

Imagem: Anthony Butkovich www.abartist.com

PF – o Programa do Planejamento Consciente de Bebê

Perguntas freqüentes:

DWB_borito_fotoO que posso esperar do trabalho com uma Adúla espiritual?

A Adoula pode começar a se encontrar com a mãe (ou com o casal) antes da concepção ocorre. O pai ou mãe ou os pais receberão informações e instruções de pré-concepção da sua Adoula.

Para cada trimestre da gravidez há um trabalho de construção da conexão específica que precisa ser feito. A mãe ou os pais ambos serão ensinados pela sua Adoula para saber o que deve ser feito em cada fase da gravidez para realizar a mais forte conexão com o seu bebê que ainda não esta nascido.

A Adoula vai se reunir com os cliente/s regularmente durante a gravidez, e serão dadas instruções sobre o que os pais também precisam fazer por conta própria.

O que pode ser esperado dos pais?

A Adoula irá instruir os pais sobre como pode criar um espaço seguro e sagrado em se mesmo no qual poderiam se conectar com o bebê quem vai ser chegando. Eles também receberão instruções adicionais que irão ajudá-los para se cuidar através deste processo complexo.

Qual é o papel do pai?

O pai é um parceiro importante e honrado neste trabalho. Porém, nem sempre é possível ter a participação do pai, e neste caso é inteiramente apropriado para trabalhar unicamente com a mãe.

 A Adoula pode fazer um trabalho com a mãe ou com um casal quando a gravidez já existe?

Sim. A Adoula pode começar a trabalhar com a mãe até o começo do terceiro trimestre de gravidez.

Quanto tempo eu posso trabalhar com a Adoula?

Depois que o bebê nasce, a Adoula pode continuar o trabalho com os pais e com o bebê até nove meses após do parto, ajudando para trazer todo o potencial da sua e da energia divina do o bebê.

Quais são os benefícios deste trabalho?

Os pais são ensinados sobre a importância das escolha conscientes, e do impacto que isso tem para a concepção e para a gravidez. Os pais também são ensinados sobre as energias naturais associados do nascimento e gravidez, e como pode permitir que o processo de nascimento se tornará um processo lindo e natural.

Talvez o maior benefício é que os pais vão sentir a conexão espiritual com o bebê que esta chegando isso será um benefício não só para eles, mas para o bebê também que ainda não esta nascido.

Maiores informações sobre o treinamento de facilitador/a de DreamWalker de Nasciemnto, ou sobre o Programa de Planejamento Consciente de Bebe. Nos podemos ennviar o nosso pacote de preços!

Imagens:

1. Logomarca de DreamWalker de Nascimento Fonte: www.crimsoncircle.com